É tempo de compartilhar e ajudar a quem precisa

0
375

Foto: Divulgação

Divulgação
União Fraterna fabricação de máscaras para doação

A pandemia da Covid-19 e o isolamento social mostrou que muita gente ficou sem renda e em dificuldades econômicas e sociais. Por outro lado, muitas pessoas, empresas se uniram e passaram a ajudar de várias maneiras aos mais necessitados. Veja alguns exemplos.

ONG Mensageiros da Esperança. A organização desenvolve um trabalho social e de educação voltado para a inclusão de jovens e mulheres com cursos profissionalizantes – culinária, informática, empreendedorismo. Com a quarentena, a ONG promove campanhas para arrecadar produtos alimentícios e material de limpeza e de higiene que estão sendo doados a famílias carentes da Vila Brasilândia, zona Norte da cidade. Além dos produtos que podem ser entregues na sede da ONG, na rua Moxei, 96, Lapa de Baixo. Doações em dinheiro podem ser feitas através do Bradesco, agência 2860, conta corrente 0031035-2 em nome do Instituto Inovação Sustentável, CNPJ 20.587.478/0001-77. Informações pelo tel. 3678-7704.

Instituto Social UniDown. Voltado para a inclusão social e cultural de adultos portadores da Síndrome de Down oferece aulas presenciais de teatro, dança e idiomas, que estão temporariamente suspensas por conta da pandemia. Para não deixar os alunos isolados , eles fazem parte do grupo de risco, o UniDown promove aulas virtuais de artesanato, ioga e outras atividades através da página do facebook.com/institutodown. Também está organiza arrecadação de cestas básicas que estão sendo encaminhadas para as famílias de Downs que estão precisando da ajuda. Em parcerias com empresas, o instituto promove ações onde parte da arrecadação do produto ou serviço é encaminhada para a manutenção e ajuda aos alunos do instituto. É possível doar dinheiro através do Bradesco, agência 2855-0, conta-corrente 0016957-9, em nome do Unidown Instituto Social, CNPJ 32.071.001/0001-13. Mais informações sobre o UniDown, tel. 99257-7352 (Whats) ou acesse www.unidown.com.br.

Associação de Apoio à Infância e à Adolescência Nossa Turma. A ONG criada em 1998 tem a sede dentro da Ceagesp e atende crianças, adolescentes e adultos moradores do entorno do centro de distribuição na Vila Leopoldina com cursos voltados à educação infantil e profissionalizantes. Para doações e informações de como ajudar, telefone 3832-3366 e 3643-3737, relacionamento@nossaturma.org.br ou pelo site www.nossaturma.org.br.

União Fraterna. Está promovendo uma campanha para arrecadar tecidos, elásticos, linhas e recursos para a confecção de 2 mil máscaras laváveis. Desde o início da pandemia, foram doadas 1.500 peças para organizações sociais e comunidades da zona Oeste. O Instituto Anastassiadis é o responsável pela coordenação do trabalho que conta com o apoio da Subprefeitura da Lapa. Para mais informações e de como ajudar, entre em contato com o telefone 99113-5317 (Whats) ou pelo e-mail luizsfilho@institutoanastassiadis.org.br.

Mangiare Gastronomia. Inaugurado em 2011, o restaurante se adaptou aos novos tempos. Atende pelo delivery da Rappi e também através de delivery próprio e, dependendo da distância, não cobra taxa de entrega. Os clientes que preferem retirar os pedidos recebem suas encomendas sem sair do próprio carro. A empresa criou a Corrente do Bem, para fornecer semanalmente marmitas para moradores de rua e albergues da região. A ação é custeada com doações de clientes, amigos e parceiros. A cada R$ 100 recebidos em doação, o restaurante produz 10 marmitas. A Associação Aviva é que coordena a entrega das marmitas. Quem quiser participar da Corrente do Bem pode obter as informações no instagram @mangiaregastronomia. (GA)

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA