Uma volta à Idade Média

0
1521

Foto:

Luthier Roberto Holz

Morador da Lapa deixou a arquitetura para se dedicar à confecção de réplicas de instrumentos de corda e sopro dos séculos XVI a XVIII.

Colecionador de inúmeros objetos, o luthier autodidata e morador do bairro da Lapa, Roberto Holz, constrói réplicas de instrumentos antigos a partir de iconografias, pinturas, quadros ou referências de medidas. Ele é um dos únicos profissionais na América Latina especializados em instrumentos de corda e sopro do barroco e renascimento europeus. “Sou absolutamente fascinado pela cultura dos séculos XVI, XVII e XVIII e, como tal, leio e pesquiso muito a arte dessa época. Como um paleontólogo, que monta um dinossauro inteiro a partir de restinhos de ossos, vou juntando as informações que obtenho, fazendo protótipos até conseguir recriar flautas, fagotes, oboés, violinos, violoncelos, entre outros”, diz.

Sem acesso à internet, e sem vontade alguma de ter celular, iPod, iPad, ou algum outro aparelho parecido, Roberto vive em busca do purismo de outrora. “A tecnologia não me convence. Gosto da materialidade das coisas e, quando preciso, escrevo na minha velha máquina, converso por telefone, vou ao local para encontrar algo que quero. O cheiro do papel, da tinta, a pausa para o pensamento, o som de uma flauta antiga são coisas que a tecnologia não pode oferecer”, declara.

Hoje com 63 anos de idade, Roberto conta que seu interesse por música começou ainda na infância. Quando criança, estudou piano, flauta doce, clarinete, entre outros, e teve muito contato com as partituras, porém, ao crescer, seguiu outro caminho, estudando e se formando em outra profissão. “Eu sou arquiteto de formação e já trabalhei com isso, mas larguei a arquitetura para ficar próximo do que mais gosto: a música. Fazer instrumentos, para mim, antes de ser um ofício, é a mais pura paixão. Estar rodeado deles me abre sempre um mundo novo de possibilidades.”

Ávido por culturas diversas, Roberto já viajou o mundo em busca de referências para seu trabalho. Hoje, ele tem clientes espalhados em muitos países, principalmente na Europa. “Meus clientes são, em sua grande maioria, músicos que gostam do purismo das notas e que também apreciam o design dos instrumentos. Em geral são autodidatas sérios”, descreve.

Além das réplicas raras dos séculos passados, Roberto também trabalha com instrumentos convencionais, consertando peças e fazendo réplicas.

Luthier Roberto Holz
Telefone 3836-1186

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA